LIGAMOS AGORA!

SE PREFERIR, LIGUE GRÁTIS

0800 772-9000

Não realizar a limpeza nas calhas: É perigoso?

A limpeza nas calhas garante o escoamento de águas pluviais e evita transtornos para o proprietário do imóvel


Limpeza periódica de calhas

Essenciais para a estrutura externa dos imóveis, as calhas permitem o escoamento das águas da chuva. Servem também para proteger a pintura, evitar respingos e conter a erosão de terra. Entretanto, as suas funcionalidades só são adequadas quando não estão danificadas nem sujas, algo muito comum de acontecer.

Calhas quebradas ou trincadas podem ter sido causadas por dois motivos: pela ação do tempo ou por traumas. Normalmente feitas em vinil ou aço galvanizado, as estruturas duram por um bom período, mas em imóveis muito antigos, elas podem estar fragilizadas e se romper ou se rachar, causando vazamentos. Já a queda de uma árvore ou uma simples batida ao tirar o carro da garagem podem entortá-las sou destruí-las completamente, inviabilizando sua utilização.

Calhas mau instaladas também são motivo para preocupação. Para evitar a substituição, conte com um profissional para indicar o produto mais adequado, levando em consideração o material, o tipo de telhado do imóvel e sua área, impedindo que elas cedam. A instalação também deve ser feita por um especialista na área da construção, garantindo assim a qualidade do serviço.

Limpeza de calhas em lugares difíceis

O problema mais comum de acontecer com as calhas é o entupimento. Ele é causado quando as calhas não estão bem limpas devido ao acúmulo de folhas, frutos, sujeira e outros tipos de materiais que podem alcançar suas entradas. Durante o outono, época em que as árvores perdem suas folhas, e no verão, período de intensas chuvas que arrastam detritos, é que as estruturam tendem a ficar mais sujas.

Se você não fizer a manutenção adequadamente, é só na estação mais quente do ano que perceberá que suas calhas não estão escoando as águas pluviais como deveriam. O entupimento pode causar umidade, infiltrações e vazamentos a partir do telhado e das paredes em que elas estão localizadas, e, se não for reparado desde seu início, vai exigir uma pequena obra para a correção.

Em lajes, você pode demorar ainda mais tempo para identificar que algo está errado, e só perceber quando ocorrer um transbordamento, o que vai causar muito prejuízo para o imóvel e para o seu bolso. Outro perigo que a falta de limpeza nas calhas oferece é o acúmulo de poças d’água, que facilitam a proliferação do mosquito que transmite doenças como dengue, zika e chikungunya.

 

Como fazer a limpeza das calhas?


Como deve ser realizada a limpeza das calhas

O melhor momento para verificar se a calha está obstruída é durante uma forte chuva. Você perceberá que o fluxo de água é baixo em relação à intensidade pluvial, um sinal de que a estrutura não está devidamente limpa. A limpeza nas calhas deve ser feita a cada três meses, conforme variam as estações do ano, e mais frequentemente ainda se imóvel está próximo de áreas muito arborizadas.

Uma vez identificado o problema, você pode resolver tudo sozinho. Para isso, será preciso subir em uma escada que alcance o topo da calha, tomando o cuidado de não apoiar na estrutura para não causar danos; luvas grossas para não se cortar com os itens encontrados e possíveis rebarbas da própria calha e, eventualmente, um cabo de vassoura para empurrar os detritos. Confira se o trabalho está finalizando ao jogar água de uma mangueira. Se o escoamento ainda não estiver normalizado, continue a limpeza.


Você também pode chamar uma empresa desentupidora para fazer o serviço. Técnicos especializados vão utilizar materiais próprios para fazer a limpeza nas calhas, e ainda vão deixar a garantia, caso seja necessário. Os profissionais também atendem rapidamente em casos de emergência, evitando que você realize o trabalho pesado e possa se preocupar com as demais consequências do entupimento da rede.

Você também pode gostar de:


Limpeza de bueiros: Saiba quais são as consequências!


Além da manutenção preventiva, uma boa forma de evitar que as calhas sejam obstruídas é com a instalação de um tipo de ralo especial. Ele é colocado na saída do bocal, e não deixa que os detritos impeçam a passagem de água. Instalar um ladrão também é uma maneira de se prevenir, pois, se a água escapar pelo sistema, é um sinal de que há obstruções na estrutura. Entretanto, saiba que nenhuma dessas opções é capaz de impedir totalmente o entupimento das calhas, dispensar a verificação trimestral e a limpeza.

Nós nunca sabemos quando vamos precisar de uma empresa desentupidora. Por isso, não hesite em contatar a Desentupir 24h! Quer saber de todas as novidades e dicas de desentupimento? Cadastre-se em nossa newsletter e fique por dentro de tudo!

Este conteúdo é protegido pela lei de direitos autorais (Lei 9.610 de 19/02/1998). Sua reprodução total ou parcial é proibida nos termo da lei.

Copyright a Desentupir 24h Comércio de Serviços Ltda. © 2015