LIGAMOS AGORA!

SE PREFERIR, LIGUE GRÁTIS

0800 772-9000

A situação dos reservatórios de água em São Paulo – Dezembro de 2015

Água em São Paulo

Confira a capacidade atual dos reservatórios de água que abastecem a Grande São Paulo e Região


O verão está aí. E com a estação mais quente do ano, o desperdício da água é iminente. Afinal, o calor propicia banhos mais demorados entre outros fatores que colocam o volume dos reservatórios em risco. A verdade é que em 2014 a situação estava ainda mais crítica do que a atual. Entretanto, por mais que as campanhas de conscientização tenham gerado mudanças significativas para a população paulista, o abastecimento ainda está muito aquém do que deveria, e a crise hídrica ainda está aí. Alguns bairros ainda passam pelo rodízio de água em determinadas horas do dia. Vejamos alguns dados.

Segundo a Sabesp, no dia 10 de dezembro de 2015, o Cantareira estava operando com sua capacidade em 22,9%. Esse dado não inclui o volume morto. No mesmo período de 2014, o volume alcançava a assustadora marca de 7,5%. O manancial é responsável pelo abastecimento de água para 5,3 milhões de pessoas. Já o reservatório do Alto Tietê, que atende mais de 5 milhões de paulistas, opera com 18,5% de sua capacidade.

No final de setembro (com cinco meses de atraso), o governo do estado entregou à população a interligação entre os sistemas Rio Grande e Alto Tietê, para bombear água da represa Billings para a represa Taiaçupeba do Sistema Alto Tietê. A obra também leva água para partes das zonas norte e leste antes atendidas pelo Sistema Cantareira.

Mas para o alívio de 5,6 milhões de pessoas abastecidas pelo Guarapiranga, o cenário é um pouco mais confortável. Atualmente o reservatório conta com 87,6%, de sua capacidade, com crescimento gradativo do volume de água nas últimas semanas. O Rio Grande, o Alto Cotia e o Rio Claro seguem respectivamente com 98,6%, 78,2% e 66,6% de seus volumes. Os três mananciais juntos atendem quase 4 milhões de pessoas.

Apesar da estabilidade em alguns reservatórios, a Sabesp ainda não prevê o fim da crise hídrica para 2016. Mesmo assim, durante 2015, a companhia de abastecimento de água investiu cerca R$2,4 bilhões em melhorias e campanhas de economia.

A Desentupir 24h apoia iniciativas para economia de água. Além de economizar água em banhos, lavagens de roupas, louças e da casa, fique atento para supostos vazamentos de água e entupimento de tubulações. Se desconfiar que algo está errado, confira o serviço de vídeo-inspeção e caça-vazamentos oferecidos por nossa empresa desentupidora.

Este conteúdo é protegido pela lei de direitos autorais (Lei 9.610 de 19/02/1998). Sua reprodução total ou parcial é proibida nos termo da lei.

Copyright a Desentupir 24h Comércio de Serviços Ltda. © 2015