LIGAMOS AGORA!

SE PREFERIR, LIGUE GRÁTIS

0800 772-9000

Caça vazamentos: alternativa para economizar na conta de água

Caça vazamentos e outras dicas para consumir água de uma maneira mais consciente dentro de casa


aca-vazamentos-economize-conta-de-agua

A água é fonte da nossas vidas. Independente de quem somos, o que fazemos, onde vivemos, nós dependemos principalmente dela para viver. Porém, por maior que seja a importância da água, as pessoas continuam poluindo os rios e destruindo as nascentes, esquecendo o quanto ela é essencial para nossas vidas.

O planeta terra possui 97% de água salgada e somente 3% de água doce. Dessa pequena porcentagem, 0,0007% é composto por água potável, própria para o consumo humano. No Brasil, um país rico em água doce, a maior parte dessa água é utilizada na agricultura e indústria, sendo que a menor parte é destinada ao consumidor final. Nem por isso a população não deva se preocupar com o desperdício de água em suas residências.

A seguir, dicas para consumir água dentro de casa de maneira consciente e até diminuindo sua conta de água:

Reaproveite a água


Algumas situações não tem necessidade de água potável, mas que seja sanitariamente segura. A descarga de sanitários, irrigação de plantas (decorativas, não as plantas que não consumidas pelos seres humanos) e lavagem de ruas e calçadas são exemplos de situações onde não é necessário a água potável. Em casa, a água do último enxágue da máquina de lavar pode ser utilizada para lavar o quintal ou garagem, por exemplo. Isso reduz custos e garante um uso mais consciente e responsável da água.

Capte água da chuva


Você também pode captar água da chuva com uma cisterna para as situações que não tem necessidade de água potável. Reserve a água e utilize quando houver necessidade.

Fique atento ao hidrômetro


Acompanhe o hidrômetro da sua casa com frequência. Muitas vezes não percebemos rapidamente canos furados que não estão a vista ou descargas desreguladas. Com o hidrômetro, você poderá perceber se existem vazamentos nos canos da sua residência e evita desperdícios. Uma torneira pingando gasta cerca de 46 litros de água por dia. Um cano vazando um “fio” de água gasta cerca de 2.000 litros de água em um dia.

Equipamentos econômicos


Inovações tecnológicas ajudam a consumir água de uma maneira melhor nas residências e nas empresas. São torneiras, duchas, descargas e mictórios inteligentes, que consomem bem menos água do que os mesmos equipamentos convencionais. Por exemplo, um arejador de torneira: ele mistura água com ar e dá uma sensação de maior volume de água. Há também equipamento que restringe a vazão da água e só liberam quantidades de água diferentes para um banho e para lavar a louça, por exemplo. Válvulas automáticas para mictórios ou vasos sanitários liberam apenas a quantidade necessária de água para cada uso.

Caça vazamentos


Nem sempre conseguimos captar vazamentos dentro de casa e se faz necessário pedir auxilio de um serviço especializado. As vezes as contas de água parecem só aumentar drasticamente e não conseguimos entender o motivo. Hoje em dia várias empresas oferecem serviços de detecção de vazamentos não visíveis. Além de desperdiçar água, também podem acarretar em danos e perdas na estrutura da casa.

A detecção é feita a partir de vários equipamentos que permitem a análise para descobrir vazamentos:

Dispositivo de ultra-som: que consegue localizar vazamentos em canos de PVC, ferro e cobre, alimentados pela caixa d’agua, reservatórios subterrâneos de residências, edifícios, comércio e indústria e até mesmo em canos alimentados pela própria Sabesp. Os testes não danificam a superfície analisada.

Correlacionador de ruídos: o equipamento com microprocessador e amplificador detecta vazamentos através do som. O equipamento é de fácil transporte e é carregado por bateria.

Haste de escuta: Mais usado para detectar vazamentos em tubulação de água limpa em pisos, paredes, pavimentos de concreto ou asfalto. Auxilia na localização de vazamento e de furtos de água também, com encanamentos clandestinos.

Sistema de pressurização: O nitrogênio, gás tóxico, incolor e não inflamável está presente em 78% da atmosfera da Terra. Como é solúvel em água, é utilizado no processo de caça ao vazamento, que apontará a fuga de pressão. Só após o laudo que começa os serviços necessários de reparação. Quer saber de todas as novidades e dicas de desentupimento? Cadastre-se em nossa newsletter e fique por dentro de tudo!

Este conteúdo é protegido pela lei de direitos autorais (Lei 9.610 de 19/02/1998). Sua reprodução total ou parcial é proibida nos termo da lei.

Copyright a Desentupir 24h Comércio de Serviços Ltda. © 2015